Um Espaço dos Jovens para os Jovens....

Dá voz às tuas ideias!
um blog orientado pela Dueceira-Associação de Desenvolvimento do Ceira e Dueça
e co-financiado pelo Programa Leader+ELOZ. Entre LOusã e Zêzere

2008-02-18

Ser Cidadão na Escola... a sessão SEIS

Conversa entre animadores (daquelas difíceis !!!!!)
Sónia: - Penso que neste momento se encontram criadas as condições necessárias, para iniciarmos a nossa abordagem aos temas que conduzem o nosso projecto.
Pedro: - Sem dúvida! Os nossos jovens devem compreender e interligar o conceito de cidadania, solidariedade e desenvolvimento sustentável.
Sónia: - Bem como, identificar o processo de construção da cidadania e os seus efeitos.”
Pedro: - Reflectir sobre as atitudes quotidianas...
Sónia: - E dado que se encontram na escola, despertá-los para uma participação activa, reflectindo sobre a comunidade escolar.
Pedro: - Penso que temos um grande desafio, um excelente programa que os nossos jovens irão abraçar.

Falar de cidadania, solidariedade e desenvolvimento sustentável numa sociedade que experimenta mudanças aceleradas e que têm reflexos em todos os domínios da vida e da actividade humana, é um desafio constante.

Daí, termos lançado o tema com a seguinte afirmação:

“A escola deve assegurar a plena formação para a cidadania.”

In “Escola de Cidadãos”(Min. da Educação)

Isto porque, como o próprio ministério da educação refere é na escola que se ganha o sentido de que somos cidadãos pertencentes a uma comunidade democrática, que aprendemos a situarmo-nos no mundo, preocupados com o que se passa à nossa volta e sensibilizados para a defesa do ambiente e dos direitos humanos e a termos tolerância e respeito pela diversidade cultural.

video

Na escola intervêm e convivem alunos, professores, auxiliares de acção educativa, os pais e encarregados de educação. Todos com direitos e deveres. Todos com o mesmo propósito: estimular e desenvolver processos conducentes ao conhecimento, regendo-se por princípios básicos e fundamentais da dimensão do pleno exercício de uma cidadania activa e consciente.

No sentido de aprofundar este tema, consideramos o conceito de cidadania segundo Jorge Sampaio:

“A Cidadania é responsabilidade perante nós e perante os outros,
consciência de deveres e de direitos,
impulso para a solidariedade e para a participação,
é sentido de comunidade e de partilha,
é insatisfação perante o que é injusto ou o que está mal,
é vontade de aperfeiçoar, de servir,
é espírito de inovação, de audácia, de risco,
é pensamento que age e acção que se pensa.”

Ou seja, ser cidadão é pertencer à Sociedade Humana de todo o mundo, tal como todas as outras pessoas pertencem, com responsabilidades para com todos os seres – humanos ou não! Sendo capaz de gostar muito e de cuidar de tudo o que nos rodeia.
Exercer cidadania, implica ser capaz de lutar e manter direitos e cumprir deveres, reconhecendo a todos os outros os mesmos direitos e as mesmas obrigações. Vivemos num país organizado, onde temos a responsabilidade de contribuir para melhorarmos a vida de todos!

video

Falar destes temas para a “juventude” que todos classificam como sendo a fase mais bonita (mas a mais difícil!)da vida humana, durante a qual o ser humano se encontra a construir e moldar a sua personalidade revelou-se como sendo fundamental e pertinente.
De uma forma global, os jovens participaram de forma interessada, alegre, motivada e com muita pertinência no decorrer da sessão, o que se pode observar através dos seus comentários...

Sem comentários: